Dashboard Metrics

Projeto de UI

Desafio:

Encontrar problemas que levaram a grande taxa de rejeição e de insatisfação com serviço. Melhorar estes pontos, consequentemente melhorando as métricas destes pontos. Melhorar a usabilidade e Reconstruir o visual da interface.

Contexto:

O projeto trata de um cliente esse cliente tem uma aplicação que é utilizada tanto mobile como desk. Esse produto, monitora a movimentação financeira, ajuda os estabelecimentos que o contratam a fazer gestão, mas o diferencial seriam as consultorias, já que software de gestão existem milhares. Sendo assim estes tais consultores acompanham as movimentações dos estabelecimentos e fazem o trabalho de consultoria.

Pesquisa:
Usei como base o que tem no mercado de software de gestão de negócios.
Estrevistei algumas pessoas tanto consultores (para entender o que facilitaria o trabalho deles), como donos de estabelecimentos que usam APPs de gestão (para entender os problemas e os pontos positivos) e também pessoas que não usam, para entender o porquê não usam e o que os fariam usar.

Constatações:

Consultores

  • Quando um consutor tem que monitorar muitos estabalecimentos ao mesmo tempo, ele acabava se perdendo e com isso a qualidade das consultorias acaba caindo, gerando uma grande insatisfação dos clientes.
  • Existe uma grande dificuldade em alternar entre um cliente e outro
  • As informações estavam muito espalhadas e difíceis de serem encontradas
  • Havia um problema para encontrar as informações principais nos extratos

Clientes

  • Havia um problema para encontrar as informações principais nos extratos
  • Os consultores não consguiam oferecer um acompanhamento mais próximo
  • Dificuldade em enteder alguns dados

 

Qual o benefício para o usuário e qual o benefício para o produto em resolver este problema?

Com melhoras na facilidade de visualização dos dados e uma elevação na qualidade da consultoria prestada o diferencial do produto se torna mais claro e perceptível para os clientes além de ficar mais fácil o uso devido a reorganização dos dados.
Os consultores teriam tudo a mão, com dados mais estruturados para fazerem o que realmente sabem – prestar consultoria – sem se preocupar com encontrar as informações.
O produto ganha em engajamento e diferencial percebido oque agrega valor a proposta do serviço.

Hipótese:

Acreditando que algumas soluções simples como estruturar as informações do extrato de atividades, priorizando o que é mais importante de se ler – segundo os dados extraídos da pesquisa de campo – , tais como (modo de pagamento, valor da transação, moeda e número de parcelas) em detrimento de informações como (produto comprado, nome do comprador, país), conseguiríamos facilitar a leitura dos dados importantes, deixar mais rápido o trabalho e diminuir o esforço cognitivo de nossas duas personas.
Outra solução relativamente simples era implementar features que aplicações como o guia bolso usam muito bem, que nada mais é que simplificar dados estruturado-os em gráficos, atalhos e resumos, tornando-as em informações como: (resumos geral do mês, metas e ticket médio) fáceis, rápidas e prontas para serem usadas.
Com relação ao problema do consultor em atender vários estabelecimentos, já que ele tinha que mudar de um cliente para o outro o tempo todo para assim conseguir ver o panoroma e tomar as decisões, imaginei que um simples swipe no topo da dashboard ajudaria neste quesito e assim melhoraria a qualidade do serviço de consultoria.

Validação de hipótese:

Para validar foram feitos testes com os usuários em usando protótipos de baixa fidelidade (protótipo em papel) e depois em alta fidelidade usando o Marvel.Após estes testes analizamos os resultados e foi decidido implementar as melhorias, já que obtivémos um bom desempenho nos testes.

Clique nas imagens para ver maior